DIAGNÓSTICO

A única forma de saber se está infetado é fazendo o teste (à infeção VIH). Não se pode confiar em sintomas para saber se se está infetado. Muitas pessoas que estão infetadas pelo VIH não têm quaisquer sintomas durante 10 ou mais anos.

Podem ser sinais de aviso de infeção VIH avançada:

  • Perda de peso rápida
  • Tosse seca
  • Febre recorrente ou suores noturnos intensos
  • Fadiga grande e inexplicável
  • Gânglios nas axilas, coxas ou pescoço
  • Diarreia que perdura por mais de uma semana
  • Pontos brancos ou manchas na língua, na boca ou na garganta
  • Pneumonia
  • Manchas vermelhas, castanhas, rosadas ou roxas sobre ou debaixo da pele ou na boca, nariz ou pálpebra
  • Perdas de memória, depressão e outros problemas neurológicos


Contudo, ninguém deve assumir que está infetado se tiver alguns destes sintomas. A única forma de saber se está infetado, é fazendo o teste. Para mais informações, carregue aqui (link CADs)

Também não se pode confiar nos sintomas para determinar se uma pessoa tem SIDA. Os sintomas da SIDA são semelhantes aos de muitas outras doenças. A confirmação da existência da SIDA obedece a um diagnóstico médico realizado por um médico, baseado em critérios específicos.

Devo fazer o teste?
Abaixo descrevem-se os comportamentos que aumentam o risco de contrair a infeção VIH. Se a sua resposta for positiva a qualquer das perguntas, deve sem dúvida fazer o teste. Caso mantenha os comportamentos mencionados, deve realizar o teste anualmente. Para mais informações, carregue aqui (Teste / CADs)

  • Injetou drogas ou esteroides ou partilhou material (agulhas, seringas, etc.) com outras pessoas?
  • Teve relações sexuais desprotegidas (sexo vaginal, anal ou oral) com homens que têm sexo com homens, vários parceiros, ou parceiros desconhecidos?
  • Trocou sexo por drogas ou dinheiro?
  • Foi-lhe diagnosticado ou fez tratamento para hepatite, tuberculose ou alguma doença sexualmente transmissível, como sífilis?
  • Praticou sexo desprotegido com alguém que pudesse responder afirmativamente a algumas das questões anteriores?

Se manteve relações sexuais com alguém cujo historial de parceiros sexuais e/ou utilização de drogas desconhece ou se teve (ou o seu parceiro) vários parceiros sexuais, tem mais probabilidades de estar infetado pelo VIH. Caso tenha um novo parceiro, deve fazer o teste (e o seu parceiro também) e não iniciar atividade sexual até ter acesso aos resultados.

O teste é ainda mais importante para as mulheres que pretendem engravidar. Se a mulher estiver infetada, a possibilidade de a infeção ser transmitida ao bebé será francamente reduzida se tiver cuidados médicos e se realizar tratamentos específicos durante a gravidez. Todas as mulheres grávidas devem fazer o teste (um teste por cada gravidez).